Digital Triangle Brazil a evolução do International Data Center Hub

by / / Sem categoria

Autor: Wilson Laia

O projeto Brazilian International Data Center HUB que mencionamos há um mês atrás evoluiu, e para muito melhor. O país poderá ter em breve um DIGITAL TRIANGLE BRAZIL, uma vez que continua sendo considerado por uma empresa Americana, líder mundial em Data Centers e pelo Governo Americano para sediar nada menos que três CIDADES DIGITAIS em três cidades Brasileiras diferentes.

Nestas CIDADES DIGITAIS serão instalados os chamados Next Generation Data Center Complex, contendo vários Data Centers de última geração, transformando-as em um International Data Center HUB, que por sua vez irá configurar o DIGITAL TRIANGLE BRAZIL. Nasce, então, a chamada UNIVERSAL CLOUD, que será a primeira Nuvem de Computação Corporativa do planeta. Falaremos especificamente sobre este tema em uma outra oportunidade.

Este TRIANGLE estará conectado a outros 13 DIGITAL TRIANGLEs ao redor do mundo, a serem instalados em outros países distribuídos em todos os continentes. Alguns dos possíveis locais a receberem tais instalações são:

  • Rússia, possivelmente em Moscou
  • Ásia – País a ser definido
  • Oceania – País também a ser definido, entre outros

Hoje só existe 01 International Data Centers HUB que concentra 70% do fluxo da Internet mundial. Ele fica em Loudoun County, VA, USA, a 30 milhas de Washington, DC. Loudoun County é a cidade mais rica dos EUA, segundo recente publicação da Forbes, justamente em função da indústria de Data Centers, já que possuí a maior concentração de Data Centers dos Estados Unidos.

Os demais 30% do fluxo de Internet mundial estão distribuídos em outras cidades, também em território Americano. Porém, este cenário deve mudar. Este é o motivo pelo qual o Brasil está sendo considerado para sediar o primeiro HUB fora do território Americano.

O projeto a ser implantado no Brasil deverá ser o primeiro dos outros 13 a serem implantados e servirá de modelo para os demais.

O fato de vir a possuir três INTERNATIONAL DATA CENTER HUBs, aumentará a integração do Brasil com o resto do planeta, uma vez que o fluxo da Internet mundial, que hoje está todo concentrado nos Estados Unidos, passará a ser dividido entre todos os DIGITAL TRIANGLEs, nosso fará parte deste compartilhamento. Isto colocará o Brasil definitivamente no cenário mundial da Tecnologia da Informação.

Em se concretizando, este será um marco histórico tanto na área de TI, quanto na economia Brasileira como um todo e atrairá muitos outros investimentos para o nosso país.

Este projeto irá transformar as cidades Brasileiras nas quais for instalado, os estados nos quais se encontram e, por consequência, todo o Brasil. As cidades Brasileiras que estão concorrendo são:

  • Campinas-SP
  • Sorocaba-SP
  • Recife-PE.

Ainda não há uma decisão sobre a implementação do projeto no Brasil. Uma análise criteriosa vem sendo feita pelos investidores Americanos sobre as características das cidades envolvidas e a atual situação econômica do país.

Um dado interessante e que chama muito a atenção, é que existem algumas iniciativas que vem sendo empreendidas em algumas esferas do país que visam buscar soluções para a atual situação econômico, político, financeira em que o Brasil se encontra.

Em abril de 2016, será realizada a segunda edição da Brazil Conference at Harvard and MIT, iniciativa dos estudantes brasileiros dessas duas instituições. Neste ano, o tema central será a busca de soluções para diversos problemas encontrados atualmente no Brasil.

Com o objetivo de aproximar ainda mais as discussões à realidade brasileira, de envolver alunos de graduação no Brasil nos debates da Conferência, e de criar embaixadores jovens que instigarão discussões em universidades no Brasil sobre as ideias e os temas lá discutidos, a Conferência deste ano contará com uma novidade: o Programa de Embaixadores da Brazil Conference.

O Programa de Embaixadores da Brazil Conference de 2016 selecionará 3 (três) estudantes da graduação de universidades públicas ou privadas Brasileiras, que terão sua vinda à Brazil Conference (que será realizada na Universidade de Harvard, nos Estados Unidos).

A conferência está fundamentada em quatro pilares. É interessante como o DIGITAL TRIANGLE BRAZIL atende a todos estes pilares, que nem sequer foram idealizados pela indústria de Data Centers ou de TI.

Isso mostra o quão completo e fundamentado é este projeto, visto que foi todo concebido pelos critérios do IDCA – International Data Center Authority, que utiliza o Infinity Paradigm, que por sua vez, divide os Data Centers em sete camadas.

Devido a sua abrangência e seriedade, certamente o projeto atende a outros critérios da indústria como um todo, se fosse avaliado sob esta óptica. Apenas para ilustrar, os pilares da Brazil Conference de 2016 são os seguintes:

  • People
  • Globe
  • Foundations
  • Imagination

Este projeto irá “catapultar” o Brasil para o topo do mundo da Tecnologia da Informação, ajudando significativamente a melhorar o cenário atual do nosso país. Fazendo um contraponto com os pilares acima mencionados, temos o seguinte:

People

O projeto irá gerar em cada uma das CIDADES DIGITAIS cerca de 20.000 empregos diretos de profissionais altamente capacitados, 60.000 empregos indiretos, além de, cerca de 3.000 empresas startups,

As CIDADES DIGITAIS terão: Complexo de Data Centers de última geração, Centros de Treinamentos, Centros de Pesquisa & Desenvolvimento, Universidade especializada em Data Centers (primeira no mundo), uma parceria com grandes Universidades do país vem sendo desenvolvida, condomínios residenciais, shoppings, cinemas, áreas de lazer, Hospital, Clínicas, Segurança de primeiro mundo, tudo isto com tecnologia de última geração, ou seja, uma CIDADE DIGITAL de verdade.

Desta forma, os idealizadores planejam fazer parte do crescimento das tecnologias verdes e da economia digital verde no nosso país.

Tudo isto proporcionará uma melhora significativa na qualidade de vida, aumentando a remuneração da população local, mudando totalmente a realidade do país.

Globe

O fato de estar conectado a outros 13 DIGITAL TRIANGLEs, em um mundo cada vez mais integrado, onde sustentabilidade está na pauta de discussões globais, fará ´Brasil ter um papel crucial no cenário internacional.

Foundations

Este Projeto tem os seus alicerces na indústria de Data Centers, que é o segmento que mais cresce no mundo, em função do advento do IoT (Internet of Things), mídias sociais, Cloud Computing, etc. Será fundamental para o Desenvolvimento Econômico e Social do país, pois, estima-se que seja investido 5.4 bilhões de dólares em cada CIDADE DIGITAL, perfazendo um total de 19 bilhões de dólares ao longo de 10 anos. A receita estimada é de 60 milhões de dólares/ano por CIDADE DIGITAL.

Imagination

A concepção deste Projeto por si só, aliada ao atual cenário econômico, político e social do país, mostra que seus idealizadores são visionários, com uma visão holística do mercado global, e portanto, configura-se por si só em uma grande capacidade imaginativa e de pragmatismo para projetar o futuro, já que neste momento a maioria dos investidores estão deixando de investir no Brasil, até mesmo lastreados pelo rebaixamento do grau de investimento de nosso país pelas três principais agências do globo terrestre: Fitch, Standard & Poors e Moody’s.

A exemplo da Brazil Conference de 2016, o Google também lançou recentemente uma competição que visa buscar soluções para o Brasil. Esta competição dará um prêmio de até R$ 10 milhões para as dez melhores iniciativas que possam ajudar a melhorar o país. Chamado de “Desafio Google de Impacto Social”, o evento está em sua segunda edição e a primeira aconteceu em 2014.

Parece que realmente algumas esferas da sociedade e das empresas estão empenhadas em ajudar o país a sair deste imbróglio.

Dado a todo o exposto acima, agora precisamos torcer muito para que o resultado final da análise dos investidores Americanos seja positiva e que o projeto seja efetivamente implementado por aqui.

*IDCA – International Data Center Authority, Infinity Paradigm, Brazilian International Data Center HUB, DIGITAL TRIANGLE BRAZIL, Next Generation Data Center Complex e UNIVERSAL CLOUD são respectivamente marcas registradas de seus criadores.

Fontes:
http://br.reuters.com/article/internetNews/idBRKCN0UQ2P520160112
http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/reuters/2016/01/12/empresa-de-dados-techxact-planeja-investimento-bilionario-em-computacao-em-nuvem-no-brasil.htm
http://convergenciadigital.uol.com.br/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?infoid=41488&sid=97#.Vqtt__orLIU
http://www.jornalacidade.com.br/cienciasetecnologia/cienciasetecnologia_internaNOT.aspx?idnoticia=1136127
http://computerworld.com.br/techxact-investe-r-128-bi-para-tornar-campinas-e-sorocaba-em-hubs-de-ti
http://m.baguete.com.br/news/readnews/4/90947
http://correiopopular.fivepress.com.br/
http://www.greenrecord.co.uk/brazil-conference
http://olhardigital.uol.com.br/noticia/concurso-do-google-paga-r-10-milhoes-por-ideia-para-melhorar-o-brasil/55412

TOP